Documento sem título
 
Veja também
 
22/05/2018
Conselhos para ter rins saudáveis
22/05/2018
Quando a gestação é classificada como alto risco?
22/05/2018
8 alimentos para baixar a pressão alta
15/05/2018
Consumo de ovo sacia e auxilia na redução de peso
15/05/2018
Retenção de líquidos: o que fazer para evitá-la
 
 
Notícia - Consumo de ovo sacia e auxilia na redução de peso 15/05/2018
Consumo de ovo sacia e auxilia na redução de peso

O ovo já foi considerado um vilão na alimentação, mas sabemos que se trata de um alimento rico em nutrientes essenciais à vida, como vitaminas, minerais, proteínas, e ácidos graxos. Além de ser uma importante fonte de proteína, o ovo exerce papel fundamental no desenvolvimento do organismo e em processos de regeneração e transporte de nutrientes.

Outra funcionalidade muito interessante a respeito do ovo está relacionada à saciedade que seu consumo provoca no organismo. Estudos mostram que o consumo de ovos durante o café da manhã reduz a ingestão de alimentos ao longo do dia.

Esse processo ocorre por conta da tirosina, aminoácido componente da proteína do ovo responsável por promover aumento de dopamina, um neurotransmissor relacionado ao prazer e ao comportamento alimentar, que quando em equilíbrio reduz a vontade de comer doces.

Um estudo conduzido por Vander Wal e colaboradores(2) comprovou que pessoas com sobrepeso e obesas, quando ingeriram ovos no café da manhã em vez de bagels (pão em formato de anel feito com farinha de trigo) apresentaram perda de peso, redução de circunferência e menor ingestão de alimentos ao longo do dia.

A versatilidade do ovo proporciona preparações que variam de um simples ovo frito até receitas requintadas produzidas por chefs renomados ao redor do mundo. Uma forma de consumo muito prática e que mantém todas as propriedades nutricionais do ovo é o ovo cozido. Como em seu preparo não há a adição de gordura, o valor energético mantém-se a apenas 70 calorias por unidade.

Além de promover saciedade, consumir ovo cozido incrementa a alimentação com micronutrientes como colina, vitamina B12, vitaminas A, D, E e K, carotenoides e minerais – cálcio, ferro, magnésio, selênio e manganês, entre outros. Para obter o melhor aproveitamento desses nutrientes, é preciso prepará-lo da maneira correta.

O ovo deve ser cozido por no mínimo 7 e no máximo 12 minutos, tempo que a gema leva para estar totalmente dura e livre de microrganismos, de acordo com a legislação vigente. Após 2 minutos em água fervente, a gema fica escurecida devido ao enxofre presente nos aminoácidos do ovo.

O cozimento por 12 minutos garante a permanência do ovo fora da geladeira por até 12 horas. A casca do ovo, além de proteger a clara e a gema na forma in natura, mantém a proteção do ovo após o cozimento.

As possibilidades para o consumo do ovo são infinitas. Além do ovo cozido, o preparo de omeletes pode incluir diversos ingredientes funcionais como aveia, linhaça, amendoim, castanhas e sementes.

Fonte: Lifestyle ao Minuto
     
Documento sem título
 
 
CNPJ: 56.792.997/0001-14

Rua Santa Rita, 1471 - Centro
Itu / SP - CEP: 13300-065

Farmacêutica Responsável:

Eli A. Cacciolari Caputo - CRF-SP: 9448
Normas de Qualidade
Copyright © 2013 - Todos os direitos reservados
Produzido por FrameSet
 
Farmácia   Produtos
Nossa História   Cosmética e Beleza
Laboratórios   Saúde e Nutrição
Manipulação   Homeopatia
    Linhas de Revenda
Atendimento    
Fale Conosco  
Orçamento Online  
Fale com o Farmacêutica